Barra horizontal

sexta-feira, 10 de abril de 2015

Bate-Volta no Monte Saint-Michel

Eu demorei muito para escrever esse post e, ainda agora, com o notebook no colo, eu penso em deixar para outro dia. Sabe aquelas sensações e memórias que você não sabe como expressar, então acha melhor guardar só pra você? Pois é, a sensação de ter ido até o Monte Saint-Michel e ter conhecido ele de perto, é algo sobre o qual eu não gostaria de pensar, falar ou escrever... Queria continuar apenas com a doce sensação de ter estado lá! Mas, já que essa é uma experiência que vale muito a pena ser compartilhada, farei o possível para deixá-los com a mesma vontade e curiosidade que me levaram até lá!


Monte Saint-Michel - Mancha - Normandia - França


Monte Saint-Michel (Mont Saint-Michel)

O Monte Saint-Michel fica na Normandia, mais precisamente no departamento da Mancha, na França. Ele fica à 358 km de Paris e é o terceiro ponto turístico mais visitado na França, perdendo apenas para a Torre Eiffel e para o Palácio de Versalhes.


Monte Saint-Michel - Mancha - Normandia - França


História do Monte Saint-Michel 

Segundo relatos, por volta do ano de 708, o bispo de Avranches, Aubert, mandou construir no monte Tombe um santuário em honra a São Miguel Arcanjo (Saint-Michel). A abadia construída no topo do monte foi chamada de Abadia do Monte Saint-Michel, que, antigamente, se chamava Mons Sancti Michaeli in periculo mari (Monte Saint-Michel em perigo do mar).

No século X, os monges beneditinos se instalaram na abadia e uma pequena vila começou a se formar aos seus pés. No século XIII esse mosteiro foi fortificado e, durante a Guerra dos Cem Anos, entre a França e a Inglaterra, o Monte Saint-Michel foi uma fortaleza intransponível, resistindo a todas as tentativas inglesas de invasão e se constituindo como símbolo da identidade nacional francesa. De 1789 até 1863 o monte foi usado como prisão. Declarado monumento histórico em 1962, o Monte Saint-Michel figura, desde 1979, como Patrimônio Mundial da UNESCO.


Monte Saint-Michel - Mancha - Normandia - França

Monte Saint-Michel - Mancha - Normandia - França

Monte Saint-Michel - Mancha - Normandia - França


Monte Saint-Michel nos dias atuais

Antes de viajar eu procurei saber mais sobre a história do Monte Saint-Michel e li que, atualmente, ele tem 51 habitantes. Eu tentei buscar essa informação novamente, mas não consegui encontrá-la. A vila que foi se formando aos pés da abadia é uma graça e todas as casas parecem ter moradores ou hóspedes. Passeando por lá, nós passamos por um jardim onde haviam algumas crianças e adolescentes brincando. Nós ficamos com a impressão de que eles eram dali mesmo, já que não tinham adultos por perto, como aconteceria se fosse uma excursão. Além disso, na Abadia tinha um grupo de monges reunidos em silêncio, então ali certamente ainda é um mosteiro. Além da abadia, das casas, das inúmeras lojas de suvenires, restaurantes e hotéis, existem ainda alguns museus que contam mais sobre a história do Monte.


Monte Saint-Michel - Mancha - Normandia - França

Monte Saint-Michel - Mancha - Normandia - França

Monte Saint-Michel - Mancha - Normandia - França

Monte Saint-Michel - Mancha - Normandia - França

Monte Saint-Michel - Mancha - Normandia - França

Monte Saint-Michel - Mancha - Normandia - França


Quanto custa o passeio pelo Monte Saint-Michel? 

Entrar no Monte Saint-Michel não custa nada. Você pode entrar e conhecer todo o lugar gratuitamente. Para visitar a Abadia e os museus, no entanto, você precisa pagar. Pelo que eu me lembro, tem três museus diferentes por lá, mas eu não sei o valor cobrado pela visitação de cada um deles. Por conta da falta de tempo, eu acabei não os conhecendo. Para visitar a Abadia, eu paguei 9 euros, se eu não me engano, e eu acho que esse é um passeio indispensável, já que foi a partir da sua construção que tudo começou.

Quanto tempo leva para visitar o Monte Saint-Michel?

Nós ficamos por lá por cerca de 4 horas e eu achei que foi um tempo muito bom. Eu havia lido em vários blogs que o ideal era passar a noite por lá para ver o Monte Saint-Michel ainda mais encantador durante a noite, mas meu marido e eu não tivemos essa possibilidade. Nós fizemos um bate-volta um dia antes de voltarmos para o Brasil. Saímos de Paris um pouco antes das 9 horas da manhã, chegamos no Monte por volta das 14 e, às 18, nós seguimos de volta para Paris. Eu não posso dizer que indico esse tipo de passeio, porque é bem cansativo, mas eu acho que vale a pena se não houver outra opção.

Agora, em relação ao tempo, conhecer e visitar o Monte Saint-Michel não é demorado. A vila formada aos pés da abadia segue um formato espiral, então você vai passando pelas ruas, vendo as lojas, casas e hotéis e vai subindo gradativamente até a entrada da Abadia. Nas quatro horas que passamos por lá, deu para fazer tudo com calma, prestar atenção nos detalhes, que são muito ricos, e ainda deu tempo de dar uma volta ao redor do Monte e aproveitar a paisagem. O importante nesse caso, é explorar. Existem várias passagens, becos, vielas estreitas e muitas escadas, cada uma levando para um lugar diferente. Veja tudo, aprecie os detalhes e não se apresse!


Monte Saint-Michel - Mancha - Normandia - França

Monte Saint-Michel - Mancha - Normandia - França


O clima no Monte Saint-Michel

Totalmente louco! Ponto! Nada mais a declarar... rs. Se você não reparou, volte e veja as fotos novamente. Todas foram tiradas no mesmo dia e, em 4 horas, pareceu que uma tempestade estava se formando, depois o céu ficou azul, depois algumas nuvens se formaram novamente e depois voltou a ficar azul... É muito estranho e totalmente instável! Lá venta demais (mulheres, levem lacinho de cabelo!) e por causa desse vento, tudo muda de um minuto para o outro. Pelo menos foi assim no dia em que eu estive lá (09-10-14). Então, se você chegar lá e o tempo estiver fechado, não tema! Pode ser que tudo mude em alguns minutos... rs.

Minha experiência no Monte Saint-Michel

Eu já disse isso em outras publicações, mas acho importante repetir: eu sou fascinada por história! Quanto mais história um lugar tiver, mais eu ficarei impressionada e maravilhada ao conhecê-lo. Entrar num lugar e pensar em como ele teve origem, em como foi construído, em quantas pessoas estiveram lá (muito antes dos turistas), em como as pessoas viviam na época em que foi construído, nas transformações que ocorreram ao longo do tempo, enfim... tudo isso me encanta de uma maneira inexplicável.

E, para quem é fã de história, assim como eu, é incrível ver aquelas muralhas imensas de perto, o portão de madeira e a ponte levadiça na entrada, as escadarias, as portas e portões de madeira e ferro maciço, as lareiras de mais de dois metros de altura e 4 de largura, enfim... A arquitetura é admirável! Além disso, estar naquele ambiente e imaginar como as coisas aconteciam, imaginar os cavaleiros com suas armaduras chegando até o Monte, se reunindo em torno daquelas imensas mesas rústicas para comer, planejando as defesas e ataques... Ai ai! Acho que deu para ter ideia do cenário geral e de como eu me senti, né?!... rs.


Monte Saint-Michel - Mancha - Normandia - França

Monte Saint-Michel - Mancha - Normandia - França


Agora, vale mesmo a pena ir para o Monte Saint-Michel?

Isso é muito relativo! Se você curte coisas mais modernas e atuais, esse não é o lugar para você. Certamente, você sairá de lá pensando: "É só isso?" e se arrependerá do tempo e dinheiro gastos nesse passeio. Se você vai para Paris e quer conhecer um lugar diferente fora da cidade, mas, ainda assim, curte obras um pouco mais recentes, linhas retas, acabamentos sofisticados e histórias de luxo e poder, talvez seja melhor visitar o Palácio de Versalhes, você vai amar! Agora, se, por outro lado, te encanta pensar na Idade Média, na Era Medieval, em castelos, fortalezas, cavaleiros, guerreiros, monges e em uma época onde tudo era muito rústico, mas forte o suficiente para parar os inimigos, então você vai adorar conhecer o Monte Saint-Michel.

Para finalizar...

Bem, esse foi praticamente um "Tratado Sobre a Minha Tarde no Monte Saint-Michel", mas não para por aí. Se você quiser saber como nós fomos até lá e todas as informações sobre o trajeto, é só clicar aqui >Como ir de Paris até o Monte Saint-Michel<. Além disso, acho que farei um post à parte para postar as fotos da Abadia, que não são muitas, mas deixariam esse post ainda maior. Aguardem!

Eu termino dizendo que essa experiência foi o mais perto da Idade Média e da Era Medieval que eu já cheguei! O mais perto de Game of Thrones, de Vikings e de todas as séries e filmes que contam histórias dessa época e que sempre fizeram parte do meu imaginário. Gente, isso não tem preço! Se você também apreciar esse tipo de experiência e tiver oportunidade, vá! Não tem como se arrepender!

Até mais! =)

Monte Saint-Michel - Mancha - Normandia - França

Nenhum comentário:

Postar um comentário